Leptospirose

A Leptospirose é uma zoonose causada pela infecção com bactérias chamadas Leptospira. A doença pode também afetar Humanoo.

 

Como se transmite?

Os hospedeiros mais comuns são os ratos e as ratazanas, mas podem ser também os cães, por exemplo. Nos hospedeiros a infecção costuma ser ligeira mas persistente, alojando-se no rim e no tracto urinário. A transmissão é geralmente direta e envolve principalmente o contacto com urina.

 

Quais são os sintomas?

Os sintomas de Leptospirose variam, mas por norma surge: febre, vómito, diarreia, hemorragias, anemia, etc.

 

Como se diagnostica a leptospirose?

O diagnóstico de Leptospirose é feito com base no exame clínico e nas análises laboratoriais.

 

Como se trata a leptospirose?

Após confirmação, no tratamento são utilizados antibióticos específicos. Na maior parte dos casos, os cães afectados necessitam de ser internados, para que possam fazer fluidoterapia endovenosa.

 

Como se previne a leptospirose?

A vacinação é muito importante para prevenir a doença.

Deve-se ainda evitar a exposição à urina de rato e a zonas contaminadas.

 

Qual é o risco para o humano?

Se o seu animal não está vacinado e foi infetado com esta doença, muito rapidamente os membros da família podem ficar também infectados.

A principal forma de infecção é através do contacto com fluídos corporais infectados (urina). Nos humanos os sintomas mais comuns são: Febre, dor de cabeça e dor muscular, por exemplo.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *